PNP LOGO

A identidade da marca da Polícia Nacional das Filipinas (PNP) está representada em seu selo e crachá. Ambos incluem vários símbolos, cujo significado está relacionado à história do país e ao simbolismo nacional.

Significado e história

A história das forças policiais nacionais das Filipinas remonta aos tempos pré-hispânicos. Naquela época, havia soldados responsáveis ​​pela aplicação das leis locais. Durante o domínio espanhol, as tarefas de policiamento foram realizadas pelo exército espanhol e pelas milícias locais. Em 1901, a Polícia das Filipinas e o Distrito Policial de Manila foram criados.
Mais tarde, essas forças se fundiram com as Forças Armadas das Filipinas. Eventualmente, em 1990, a Polícia Nacional das Filipinas foi fundada como resultado da fusão de duas organizações antigas: a Polícia Militar e a Polícia Nacional Integrada.

Símbolos no selo

O elemento central do selo é uma figura masculina segurando um escudo e uma espada. Este é Lapu-Lapu, o lendário governante da ilha de Mactan. Ele se tornou o herói nacional do país após a Batalha de Mactan (1521), quando seu exército derrotou os ocupantes portugueses liderados pelo explorador Ferdinand Magellan. Magalhães foi morto e, como resultado, a ocupação espanhola foi adiada por mais de quatro décadas. Segundo a explicação oficial do PNP, Lapu-Lapu representa a autoridade constitucional civil.
Cada uma das 14 folhas de louro representa um dos 14 comandos regionais. Também implica que o serviço público é uma organização com uma missão nobre. Outro elemento essencial, o escudo, é usado como uma representação visual da Polícia das Filipinas, a primeira Polícia Nacional (1901), a organização que existe há quase um século.
As três estrelas representam as três principais divisões geográficas (Luzon, Visayas, Mindanao) das Filipinas e as 1.700 ilhas.
O sol dourado é o símbolo da evolução do PC e do INP na instituição maior e mais complexa, PNP. Os oito raios solares são as províncias que se revoltaram contra a Espanha.
Abaixo do elemento central, você pode ver uma faixa branca com a inscrição “Service Honor Justice”, enquanto o nome completo da organização é indicado em letras brancas posicionadas acima do sol.

Emblemas no crachá

Os símbolos principais do emblema são os mesmos que os apresentados no selo, mas também há alguns detalhes adicionais.
Mais uma vez, você pode ver Lapu-Lapu, o escudo, as três estrelas, as folhas de louro e os oito raios solares. Embora todos esses elementos apresentem o mesmo simbolismo que representavam no selo, sua representação visual é um pouco diferente. O motivo é bem simples: o novo material, metal, tem mais requisitos, então os designers do crachá tiveram que adaptar a imagem para essa superfície.
Além dos símbolos do selo, há o macaco filipino comendo águia. A águia que domina o logotipo do PNP é a ave nacional, que representa qualidades como velocidade, ferocidade, poder, coragem e imortalidade.
A parte central do distintivo e a águia são douradas. Você também pode ver as palavras “Polícia Nacional das Filipinas” em ouro, colocadas dentro de um anel vermelho, que contorna o escudo. Logo abaixo da cabeça da águia, há uma bandeira branca com a inscrição “Oficial”. Eventualmente, sob o escudo, outro banner é posicionado. Este aqui abriga um número individual.
Devemos salientar que o simbolismo da insígnia e do selo da polícia está intimamente relacionado com o da bandeira nacional do país. Na bandeira, você também pode ver o sol com oito raios e as estrelas das árvores. Os raios parecem muito semelhantes aos do logotipo PNP. As cores – ouro e vermelho – parecem ter sido emprestadas da bandeira nacional. Esse elo metafórico parece bastante lógico, pois reflete a conexão física entre o país e seu sistema policial.

Fonte

A inscrição “Polícia Nacional das Filipinas” no crachá e no selo é dada em uma fonte simples e perfeitamente legível. As palavras “Service Honor Justice” parecem utilizar a mesma fonte (ou pelo menos muito semelhante). A palavra “oficial” vista no crachá é dada em um tipo diferente. Embora os glifos também possuam proporções clássicas, desta vez é uma fonte com serifa.

Cores

Tanto o selo quanto o crachá são dominados por vermelho e dourado (inspirados na bandeira nacional), com pequenos elementos pretos. No entanto, no caso do selo, o ouro é apenas um tom de amarelo, enquanto no caso do crachá a parte “dourada” se parece com metal. O branco no selo se correlaciona com um tom de metal mais claro no distintivo. Eventualmente, o selo também inclui o verde como a cor mais natural das folhas de louro.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *