VISA LOGO

História do logotipo

Hoje, o sistema de pagamentos internacionais VISA é um dos principais instrumentos financeiros, que opera em quase todos os continentes. Originalmente, era para ser um sistema de pagamento nacional dos EUA. Não é de admirar que milhões de pessoas em todo o mundo estejam monitorando esse projeto vertiginoso. No ano passado, o faturamento do sistema atingiu cinco trilhões de dólares e o número continua a crescer.

Em 1958, o Bank of America desenvolveu e introduziu cartões plásticos chamados BankAmericard. O cartão de hoje mantém as três cores de assinatura apresentadas nesse cartão pioneiro. Esses são o fundo branco, a fonte azul e o elemento de design dourado.

Em 1976, o sistema de pagamento eletrônico recebeu o nome de VISA, embora os principais elementos de design ainda estivessem lá. O logotipo VISA exibia as três cores básicas representadas por uma marca azul com um elemento dourado sobre fundo branco. Naquela época, não era apenas o BankAmerica que estava usando o cartão, mas também outros bancos, incluindo os que não são dos EUA. No entanto, outras organizações tiveram que obter uma licença para garantir serviços e segurança de alta qualidade.

Hoje, o logotipo VISA é um tipo de marca de alta qualidade. Mais de 22.000 organizações financeiras em duzentos países o usam legalmente em seus cartões.

Símbolo

Os cartões de crédito foram os primeiros itens a exibir o logotipo. No entanto, os cartões de débito e cartões inteligentes foram introduzidos na década de 1980, e os quatro principais tipos de cartões VISA – Electron, Classic, Gold e Platinum – geraram quase trinta novos tipos. O rápido crescimento da rede de caixas eletrônicos criou oportunidades únicas para as pessoas físicas e jurídicas fazerem pagamentos independentemente da localização. Seria correto dizer que a globalização começou com o VISA.
O design é bastante universal: existem cartões de tamanho grande e pequeno (ideais para viajantes que podem anexá-los a chaveiros). Os dados geralmente são organizados horizontal ou verticalmente (principalmente em miniplacas).
Os primeiros cartões apresentavam um padrão de tiras azuis, brancas e amarelas, e a marca VISA estava escrita em azul sobre a faixa branca. O logotipo em si era muito grande, ocupando um terço do anverso.
O símbolo era bem claro: o azul representava o céu, amarelo (ouro) – as dunas da Califórnia, onde foi fundado o primeiro escritório do Bank of America, e a reserva de ouro armazenada no Fort Knox Bullion Depository, o mais seguro do mundo 1.

Emblema

Foi em 2006 que o emblema foi alterado primeiro. As tiras sumiram, mas a combinação de cores está intacta. Agora, o emblema ostenta o nome do sistema escrito na assinatura tipográfica azul da empresa, sobre fundo branco. A primeira letra apresenta um elemento dourado do zero da caneta, que também é semelhante a um piscar de olhos.
O tamanho da fonte também não foi alterado. Agora, as quatro letras são dimensionadas para o tamanho do elemento gráfico compacto colocado no canto inferior direito.
Outro elemento importante é uma imagem holográfica em 3D de uma pomba. É um tipo de proteção simples e inteligente, pois a imagem cobre parte do número do cartão. A cor do holograma depende do tipo de cartão. Os tipos mais simples de cartões VISA, como Electron e VPay, podem não apresentar o holograma e usar a imagem da pomba e um ‘V’ estilizado na superfície, que são visíveis apenas sob luz UV. Esta opção ajuda a reduzir despesas adicionais.
Hoje, o emblema VISA é um símbolo da integridade e dos benefícios do sistema destinados aos usuários, pertencentes a diferentes grupos sociais: existem cartões para estudantes, professores e outras categorias. Eles podem oferecer descontos e podem ser usados ​​como IDs, pelo menos nos EUA. Em muitos outros países, os usuários do VISA têm outras vantagens, como bônus cumulativos etc.